quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

As Musas de Bergman (2)




Eva Dahlbeck (1920-2008).
Actriz de méritos bem firmados na Suécia, é Bergman que a “internacionaliza” nos anos 50, o que aliás, aconteceria em muitos casos, como mais tarde veremos.
Estreou-se em 1942 e despediu-se das telas em 1970, quando muito haveria a esperar do seu talento. No entanto, o apelo da literatura foi mais forte, e Eva tornou-se uma escritora de sucesso, quer na poesia quer em romance, e mesmo em argumentos para filmes.
Eva Dahlbeck.
A segunda Musa.

2 comentários:

Pedrita disse...

não consigo relacionar essa atriz e bergman. belíssima! beijos, pedrita

Rui Luis Lima disse...

Caro José Quintela Soares
Eva Dahlbeck será possivelmente uma das mais esquecidas actrizes de Bergman. Dos filmes que vimos, "Uma Lição de Amor" permanece o nosso favorito.
Abraço cinéfilo
Paula e Rui Lima

Locations of visitors to this page