terça-feira, 14 de outubro de 2008

Cinemas que Lisboa teve... (7)


Éden.
Mais do que a programação, que foi decaindo de qualidade ao longo dos anos, este cinema valia sobretudo pelo seu valor arquitectónico, completamente diferente de qualquer outro.
Aquelas escadarias interiores...

5 comentários:

Pedrita disse...

acho que o brasil não se destacou pelas arquiteturas dos cinemas. eram grandes, mas não tinham uma arquitetura belíssima. com raras excessões. beijos, pedrita

Rui Luis Lima disse...

Caro José quntela Soares!
O cinema Eden era uma das grandes salas da capital e tenho um especial carinho por ele, porque foi nele que assisti pela primeira vez a um filme sózinho, ainda em criança... o famoso "Livro da Selva", depois foram muitos os filmes que ali vi, embora como refere a programação fosse inconstante em termos de qualidade. Tenho saudades de salas como esta, cheias de espectadores a viver o cinema!
Abraço cinéfilo
Rui Luis Lima

Sam disse...

Existe um desafio para ti no meu blog... Resistes à tentação de responder?

Cumprimentos cinéfilos.

geocrusoe disse...

ah... aquelas escadas sempre me fascinaram naquele cinema, quanto me divertia a subir e a descer lanços de escadas para perceber aquele princípio de labirinto, da sala lembro-me pouco.

Ana Cristina Casqueiro Haderer disse...

O Eden lembra-me sempre um filme do Cantiflas em que a minha mãe se riu tanto que o meu pai pensou sériamente em se levantar e ir-se embora... ameaçamos só de ir para um outro lugar e fingir nãO a conhecer mas isso nem sequer lhe acalmou os ardores.

Alegra-me, por isso, ver um lugar da cidade onde a minha mãe nasceu e onde, por ume hora e meia talvez, se riu às despregadas e foi feliz. Era isso também o cinema.

Os meus pais iam, mesmo em noites de semana a uma sessão depois do jantar. Isso ainda se fazia nos anos sessenta...

Locations of visitors to this page